pagina inicial

a companhia

temas

peças

eventos

clientes

pense nisso

fale conosco

A HORA "H"

Oswaldo Raimo e Sérgio Carrera

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O HOMEM DE NEANDERTAL  é a estória de um diretor, casado, machista e preconceituoso que tem como hobby a conquista de novas parceiras. Até que descobre que uma delas lhe transmitiu o vírus da AIDS.

CAMISINHA ELETRÔNICA é sobre uma telefonista do disk-sexo, que orienta seu cliente quanto aos perigos de se contrair o vírus.

Em PAI PADRÃO, casal de filhos questiona o pai sobre temas ligados ao sexo. O pai despreparado induz, com suas respostas, um comportamento para o menino e outro para a menina.

RETRATOS mostra a relação do mesmo diretor da primeira cena com sua mãe e esposa, depois que descobre ser portador do vírus da AIDS.

Quatro adolescentes se encontram NOS BAILES DA VIDA, onde rola de tudo: sexo, drogas e rock'n roll. Até que um deles cai na real.

A HORA H é um programa de TV, onde a apresentadora responde cartinhas dos telespectadores tirando dúvidas sobre AIDS.

Neste espetáculo contamos com o apoio da 

BLAUSIEGEL na distribuição de camisinhas

 

 

 

 

 

O espetáculo: "A Hora H" contém 06 esquetes, intercaladas por rápidas intervenções dos próprios atores com informações gerais sobre a AIDS. A peça discute a responsabilidade de cada um de nós com esta doença. A responsabilidade de sabermos a hora de mudar, de quebrar preconceitos, de alterar nossos hábitos e nosso comportamento. É hora de falar abertamente, conversar com nossos filhos, namorados, amantes e companheiros, com sinceridade e coragem. É hora de perceber que temos medos, preconceitos e fantasias. É A HORA H!  

   

 

      Em dezembro de 1998, fomos convidados à        apresentar esta peça para  o CONSELHO  EMPRESARIAL NACIONAL PARA A 

PREVENÇÃO AO HIV/AIDS.  

 

 

 

 

 

Texto: Jorge Julião e Gilberto Amêndola

Direção: Paulo Hesse